FILHO ILEGÍTIMO
ebook

FILHO ILEGÍTIMO

Editorial:
HARLEQUIN IBÉRICA PORTUGAL
Materia
Novela
ISBN:
978-84-687-8348-2
Páginas:
160
Formato:
Epublication content package
Derechos eBook:
Copiar/pegar: Prohibido.
Imprimible: Prohibido.
DRM
Si
Colección:
SABRINA | SABRINA

Passara de alguém que sobrevive à custa do seu trabalho a noiva de um milionário!

O bonito e rico Dante di Andrea estava completamente fora do alcance de Bliss Maguire? E continuava a estar, mesmo depois de ter feito amor com ele, porque Bliss sabia que não tinha nada para lhe oferecer.

Contudo, enganava-se. Mais uma vez, o desejo levou-o até ela? e, pouco tempo depois, Bliss descobriu que estava grávida. Dante estava furioso: o bebé era fruto de uma relação ilegítima e ele não queria que um filho seu sofresse o que ele sofrera.

Todavia, Bliss não se satisfazia com a proposta de Dante? ela queria mais alguma coisa?

Otros libros del autor

  • NOTA DE AMOR
    ebook
    Titulo del libro
    NOTA DE AMOR
    MAGGIE COX
    ¡Era una proposición irresistible!Seth Broden necesitaba aquel último acuerdo para conseguir el éxito que siempre ha...

    Q. 25

  • LIVRE DE CULPA
    ebook
    Titulo del libro
    LIVRE DE CULPA
    MAGGIE COX
    Às suas ordens? e na sua cama!Adrian Jacobs precisava de uma governanta, mas a bonita e alegre Liadan Willow não era...

    Q. 21

  • O SABOR DO PECADO
    ebook
    Titulo del libro
    O SABOR DO PECADO
    MAGGIE COX
    Seduzir aquela beleza distante ia ser o maior desafio da sua vida!A reputação do sedutor e implacável empresário Gen...

    Q. 21

  • O MILIONÁRIO E A CAMAREIRA
    ebook
    Titulo del libro
    O MILIONÁRIO E A CAMAREIRA
    MAGGIE COX
    Ela não era uma mulher só para um fim-de-semana?Piers Redfield estava completamente fora do alcance de Emma. O milio...

    Q. 21

  • UM HOMEM APAIXONADO
    ebook
    Titulo del libro
    UM HOMEM APAIXONADO
    MAGGIE COX
    Mesmo que não quisessem, precisavam um do outro? e desejavam-se!Rowan necessitava de solidão e tranquilidade, mas o ...

    Q. 21