A PRINCESA NO PARAÍSO
ebook

A PRINCESA NO PARAÍSO

Editorial:
HARLEQUIN IBÉRICA PORTUGAL
Materia
Novela
ISBN:
978-84-687-6463-4
Páginas:
160
Formato:
Epublication content package
Derechos eBook:
Copiar/pegar: Prohibido.
Imprimible: Prohibido.
DRM
Si
Colección:
DESEJO | DESEJO

Estava numa ilha deserta com um xeque giríssimo...

Depois de descobrir que o seu noivo a tinha atraiçoado, a princesa Noor fugiu do seu próprio casamento e acabou por se ver numa ilha deserta acompanhada, inacreditavelmente, pelo homem de quem tentava fugir. Mas não demorou muito para descobrir que nem um membro da realeza como ela podia negar aquilo que sentia pelo sensual xeque Bari al Khalid.

A medida que as horas iam passando naquela ilha e tornando-se dias, Noor percebeu que seria impossível resistir à paixão que existia entre eles, apesar das consequências que aquilo poderia ter para o futuro.

Otros libros del autor

  • O MEU QUERIDO XEQUE
    ebook
    Titulo del libro
    O MEU QUERIDO XEQUE
    ALEXANDRA SELLERS
    O xeque ia conseguir roubar-lhe um beijo...O xeque Rafi podia ter um harém... Mas queria a belíssima Zara Blake. E, ...

    Q. 21

  • A PRINCESA PERDIDA
    ebook
    Titulo del libro
    A PRINCESA PERDIDA
    ALEXANDRA SELLERS
    Tinha que a levar para o seu país mas aquilo que mais queria era ficar com ela só para ele...A missão era simples: t...

    Q. 21

  • UM MUNDO DE SENSAçõES
    ebook
    Titulo del libro
    UM MUNDO DE SENSAçõES
    ALEXANDRA SELLERS
    Primeiro descobriram a paixão, depois iriam encontrar o amor...Só se tinham visto uma vez, mas nesse encontro, Jalia...

    Q. 21

  • EL HEREDERO DEL SULTÁN
    ebook
    Titulo del libro
    EL HEREDERO DEL SULTÁN
    ALEXANDRA SELLERS
    El heredero del sultán El jeque Najib irrumpió en la vida de Rosalind Lewis y reclamó los derechos del sultán sobre ...

    Q. 25

  • UNA ESPÍA PARA EL SULTÁN
    ebook
    Titulo del libro
    UNA ESPÍA PARA EL SULTÁN
    ALEXANDRA SELLERS
    Una espía para el sultán El jeque Haroum al Muntazir estaba moralmente obligado a recuperar una joya familiar de val...

    Q. 25